Faça-se ouvir
Notícias
Solsef
Coração na Guiné-Bissau | Faz-te mais perto!

"Faz-te mais perto!” - Assim começou o 4º encontro de preparação para o voluntariado missionário na Guiné Bissau, do grupo das Escolas de Peniche. O encontro decorreu nos dias 21 e 22 de maio de 2016 e teve lugar na sede da Sol Sem Fronteiras, na Estrela. O grupo contou com a presença da Marta Oliveira – responsável pelo Projeto "Coração na Guiné Bissau” –, e ainda com a visita de alguns amigos e membros da Solsef como o António Mosso, a Joana Cruz, o José Ramalho, o Clésio Baptista, a Rita Coelho e a Joana Maria.

 
 
 

"Faz-te mais perto… de quem?” – durante a parte da manhã de sábado, foi esta a questão que interpelou o grupo. Convidadas a refletir sobre quem será o seu próximo, individualmente, as voluntárias debruçaram-se sobre esta questão e, consequentemente, o sentido da Missão.

 
"Faz-te mais perto… como?” – conhecer o Projeto é um ponto fundamental para a preparação da Missão. Assim, durante a tarde, em grupos, as voluntárias tiveram de apresentar o Projeto a um júri (fictício) firme e bastante curiosoMarta Oliveira no papel de Embaixadora da Guiné-Bissau, Joana Cruz no papel de Jornalista e José Ramalho no papel de Engenheiro e potencial financiador do Projeto. De seguida o grupo dedicou-se às áreas de atuação na Guiné-Bissau, apresentando o trabalho já realizado e definindo aquilo que falta fazer.
 
 
 
 

"Faz-te mais perto… onde?” – com o dia a terminar, ao serão, foi altura de conhecer um pouco mais sobre o país que nos vai acolher: a Guiné-Bissau.

 

"Faz-te mais perto… porquê?” – um outro aspeto bastante importante na preparação e na concretização da Missão é saber e ter bem presente o que cada um vai fazer e o porquê. Assim, na manhã de domingo, a equipa de Educação para o Desenvolvimento da Solsef juntou-se ao grupo para debater este tema. De seguida o grupo participou na celebração da Eucaristia na Basílica da Estrela.

 

"Faz-te mais perto… quando?” – já bem perto do final do fim de semana, durante a tarde de domingo, o grupo parou para um momento de avaliação do trabalho realizado até agora, não esquecendo o que ainda há para fazer.

 
 
 
 

A Guiné-Bissau está também cada vez mais perto, e nós também.

Muito obrigado a todos os que caminharam connosco durante este fim de semana e também a todos os que nos têm ajudado a tornar este projeto possível.

Juntos, «havemos de voltar à Guiné-Bissau»!

O Sol nasce para todos
Organização Não Governamental para o Desenvolvimento
Facebook Youtube Instagram
Copyright 2019 Sol Sem Fronteiras Todos os direitos reservados
Design by: www.mediaminds.pt