Notícias
Solsef
Está a chegar o Encerramento Oficial da Exposição

O Encerramento Oficial da Exposição Olhares Sobre África’s decorre no próximo sábado, dia 27 de janeiro, pelas 11h, no Centro de Juventude de Lisboa.


Olhando para trás, percebemos que esta aventura começou bem antes do dia 28 de outubro, o dia da inauguração da Exposição no Largo Residências. Começou com a organização e o planeamento da exposição e, claro, começou graças ao talento e à fraternidade do pintor, Fernando Maria que deu asas à sua imaginação e fez um trabalho maravilhoso. Graças ao Fernando, a exposição contou com 113 aguarelas, sendo 35 quadros e 78 blocos, todos diferentes e especiais por si só. Cada um refletia o pormenor do olhar do pintor sob África. Um detalhe que consegue demonstrar também a relação da Solsef com o Continente Africano.



Imagens de alguns das pinturas de Fernando Maria


A Exposição no Largo Residências ficou disponível para fazer viajar todos os que lá entravam até ao dia 27 de novembro. Durante este tempo, as manhãs de domingo eram destinadas às crianças que, tendo as aguarelas como cenário, ouviam contos tradicionais africanos e, ainda, criavam instrumentos musicais, sombras, vestuário e até um "eu” africano. As crianças adoraram e isso consegue-se ver pelas fotografias.



Conta-Contos no Largo Residências, com a Joana Maria


O sucesso dos "Olhares Pequeninos Sobre África’s” deve-se à Joana Maria, que domingo após domingo dava de si às crianças, levando-as consigo a aprender mais sobre as pessoas, os lugares e a magia do continente Africano.


A 4 de dezembro, novas aguarelas surgem e os "Olhares Sobre África’s” pintam de cores quentes o Centro de Juventude de Lisboa. Os Conta-Contos e as atividades plásticas também regressam, agora destinados às Escolas Primárias de Lisboa.



Exposição e Conta-Contos no Centro de Juventude de Lisboa


O objetivo continuava a ser o mesmo: "partilhar os vislumbres do quotidiano em África, vistos sob uma perspetiva diferente – o nosso olhar. O olhar que nos faz afirmar que o Sol, quando nasce, é para todos”. E será este o nosso objetivo mesmo após o fim da Exposição. Uma vez que todos os valores angariados serão aplicados no projeto: "Capacitando Futuro”, na região de Oio na Guiné-Bissau. Este projeto, cofinanciado pelo Instituto Camões, pretende apoiar o desenvolvimento de capacidades da Escola Vocacional de Bissorã, onde 150 alunos estudam e constroem o seu futuro.


Desta aventura guardamos as melhores recordações, as quais partilharemos contigo no sábado. Por isso, vá, vem ter connosco! Teremos presente o pintor, Fernando Maria, a dinamizadora dos conta-contos, Joana Maria, e representantes da Solsef.


Só nos resta agradecer ao IPDJ pela parceria desde do primeiro dia, ao Largo Residências e ao Centro de Juventude de Lisboa por nos receberem e tão bem e, também ao pintor, Fernando Maria, pelo trabalho e pela sua doação tão nobre. Um trabalho intenso para a exposição e também para as nossas campanhas, onde é também possível adquirir as suas aguarelas. com mais aguarelas para as nossas Campanhas. Agradecemos ainda à Joana Maria, por tornar os conta-contos possíveis e a todos os voluntários que nos ajudaram de uma forma tão sincera. Obrigada mesmo!

O Sol nasce para todos
Organização Não Governamental para o Desenvolvimento
Facebook Youtube Instagram LinkedIn
Copyright 2021 Sol Sem Fronteiras Todos os direitos reservados
Design by: www.mediaminds.pt